Aumentos reais de 20% nos próximos quatro anos? “Talvez nos nossos sonhos”

6 jun, 21:52

Podem os salários médios em Portugal subir 20% nos próximos anos? Ou é propaganda do Governo? E já agora: o que vai o Governo fazer na parte que lhe toca?

É a partir destas três perguntas que Pedro Santos Guerreiro analisa o desafio, feito este fim de semana pelo primeiro-ministro, repetindo uma proposta da campanha eleitoral. Só que, desta vez, patrões, sindicatos e partidos da oposição foram lestos em criticar o “irrealismo” e a denunciar a “propaganda” com este anúncio.

O diretor-executivo da TVI e da CNN Portugal compara os aumentos dos rendimentos médios dos últimos quatro anos para perspetivar os próximos. E realça que, ao contrário do que aconteceu até aqui, agora há inflação elevada, que pode cifrar-se em cerca de 6% este ano e rondar os 2% nos próximos anos. Nesse caso, aumentos de 20% dos salários nominais em quatro anos são até mais fáceis de perspetivar. Mas conseguir aumentos de 20% em termos reais – isto é, incorporando a inflação – “talvez nos nossos sonhos".

Veja o vídeo do Jornal das 8, com a análise completa e as explicações de Pedro Santos Guerreiro.

Economia

Mais Economia

Patrocinados