"As sirenes não param de tocar". Odessa em risco iminente de ataque aéreo

8 ago, 08:33

Ireneu Teixeira, jornalista em serviço especial para a CNN Portugal, relata, a partir da cidade ucraniana de Odessa, que as sirenes de possível ataque aéreo tocam incessantemente às primeiras horas desta segunda-feira.

Europa

Mais Europa

Patrocinados