"As eleições francesas estão a invadir a política portuguesa". Para Carlos Magno há dirigentes "sob o efeito Mélenchon"

9 jul, 23:52

No seu habitual espaço de análise 'Acasos Objetivos', Carlos Magno, diz que Emmanuel Macron ganhou tempo e que França - que crê que irá a eleições dentro de um ano - passou a ser "um laboratório" que veio substituir o italiano. O comentador da CNN Portugal analisa também o fim do silêncio de Lucília Gago. 

Comentadores

Mais Comentadores

Patrocinados