Apoio telefónico em russo: ucranianos sentem-se discriminados e magoados

27 mai, 22:10

É mais uma denúncia que envolve o acolhimento de refugiados ucranianos em Portugal. Depois da polémica das associações pró-russas reconhecidas pelo Alto Comissariado para as Migrações, o serviço de atendimento telefónico do Governo para refugiados ucranianos está a ser feito em várias línguas, incluindo russo.

Governo

Mais Governo

Patrocinados