Apesar da novidade de não ter havido novidade, Raquel Freire explica como o discurso de Putin reconhece as dificuldades no terreno

9 mai, 09:39

Raquel Freire, investigadora do Centro de Estudos Socias da Universidade de Coimbra, considera que o discurso do Dia da Vitória de Vladimir Putin visou dignificar a ideia de “mobilização coletiva” face às dificuldades na guerra na Ucrânia

Europa

Mais Europa

Patrocinados