António Nogueira Leite: "O que temos em Portugal é uma quantidade muito grande de autoemprego ou de emprego relativamente rudimentar"

20 jun, 12:13

O que é que falta para Portugal deixar de ser um país, "em muitos casos pobre", do ponto de vista salarial, quando comparado a outros países europeus? António Nogueira Leite lembra que, historicamente, a produtividade do trabalho no país tem sido mais baixa do que a generalidade dos restantes. "Há 40 anos a diferença era ainda maior do que era hoje", acrescenta. Por outro lado, o economista explica que na economia portuguesa, 97% são pequenas e médias empresas, o que reflete "uma quantidade muito grande de autoemprego ou de emprego relativamente rudimentar", como oficinas, pequenos cafés e negócios, entre outros. 

Economia

Mais Economia

Patrocinados