Andrei Kurkov: "Os russos aceitaram não ter liberdade porque queriam estabilidade. Para os ucranianos, a liberdade é mais importante"

5 out, 10:00

 Aos 13 anos sonhava com as palavras, aos 37 já vivia da literatura numa Ucrânia recém-saída da União Soviética. A guerra obrigou-o a mudar o foco.

Leia mais.

Mundo

Mais Mundo

Mais Vistos

Patrocinados