Acordo na COP é "histórico" mas "falha o mais estruturante: a redução das emissões"

20 nov, 14:33

Francisco Ferreira, presidente da associação ambientalista Zero, saúda o acordo atingido na COP27 durante a madrugada, que prevê um fundo para os países mais vulneráveis que sentem maior impacto das alterações climáticas. Sem deixar de ser "histórico", porém, este acordo falha em vários objetivos que tinham sido delineados, nomeadamente na redução das emissões poluentes e na eliminação dos combustíveis fósseis, aponta o especialista.

Clima

Mais Clima

Patrocinados