Acolhimento de refugiados em Setúbal: Costa pede "serenidade" e considera que "não vale a pena" alimentar suspeições

1 mai, 19:25

O primeiro-ministro António Costa reagiu este domingo à polémica relativa ao acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal por parte de elementos pró-russos, pedindo que se tomem as diligências necessárias para apurar se houve algum comportamento ilícito da autarquia sadina.

Política

Mais Política

Patrocinados