"Acabou-se a mama": o impacto da subida das taxas de juro pelo BCE nos créditos, nos depósitos e no imobiliário

9 jun, 16:23

No dia em que o Banco Central Europeu anunciou uma subida das taxas de juro em julho (e outra provavelmente em setembro), Pedro Santos Guerreiro explica por que razão elas estão a subir - e com que consequências - nas dívidas dos Estados, dos bancos, das empresas - e das famílias, quer nos créditos, quer nos depósitos, quer no imobiliário. Veja o vídeo com as explicações completas

Europa

Mais Europa

Patrocinados