"A Ucrânia está a funcionar como o nosso álibi. Estamos a desvalorizar o que é mais difícil e isso vai custar-nos caro"

10 jul, 11:25

José Azeredo Lopes afirma que a guerra "depende muito menos da Ucrânia e muito mais de fatores que por vezes se tornam voláteis". O comentador, analisando a cimeira da NATO, garante que se ajudaria mais Kiev se se fosse capaz "de ir mais além do discurso dos 2% ou 3% do PIB".

Comentadores

Mais Comentadores

Mais Vistos

Patrocinados