"A minha filha mais nova morreu-me nos braços": sismo na Síria provocou mais de 2.500 mortos

Jornalista TVI e CNN Portugal.
8 fev, 20:05

Na Síria, país há anos mergulhado numa guerra civil, é difícil fazer um balanço real, porque as áreas mais afetadas pelo sismo são também áreas controladas por rebeldes, e isso está a dificultar também o acesso a ajuda.

há cerca de 2.500 mortes confirmadas até agora. Nalguns casos, houve quem perdesse mais de 20 familiares.

Mundo

Mais Mundo

Mais Vistos

Patrocinados