Caso raro de varíola dos macacos diagnosticado no Reino Unido

9 mai, 17:34
Varíola (Getty Images)

Risco de transmissão para a população em geral é muito baixo

Uma mulher foi diagnosticada com uma variante rara da varíola este sábado, no Reino Unido.

A informação foi avançada pela agência de segurança da saúde do Reino Unido através de um comunicado. A mesma fonte adiantou que a varíola dos macacos é uma infeção viral rara e de fácil contágio, mas só em caso de contacto direto com o infetado.

"Pode ficar infetado caso esteja em contacto próximo com alguém infetado. No entanto, há um risco muito baixo de transmissão para a população em geral", lê-se no comunicado.

Acredita-se que a mulher tenha contraído a infeção durante uma viagem à Nigéria. Diagnosticada à chegada ao Reino Unido, a paciente está agora a receber tratamento em Londres, numa unidade especializada.

A CNN Internacional, que cita a agência de saúde, revela que os sintomas iniciais desta varíola são febre, dores de cabeça, dores musculares, gânglios linfáticos inchados, calafrios e extremo cansaço.

Em 2003, foram identificadas 43 pessoas com o vírus nos EUA. Um surto menor foi registado na Grã-Bretanha, em 2018.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Europa

Mais Europa

Patrocinados