Regulador europeu alerta para novo efeito secundário da vacina da AstraZeneca: mielite transversal

Beatriz Céu , BCE
14 jan, 18:32
AstraZeneca
AstraZeneca

Diminuição da sensibilidade e paralisia das pernas e/ou braços são alguns dos sintomas

PUB

O comité de segurança da Agência Europeia de Medicamentos (EMA no acrónimo em inglês) alertou esta sexta-feira para um novo efeito secundário da vacina contra a covid-19 da AstraZeneca - uma rara inflamação da medula espinal, conhecida por mielite transversal.

O alerta surge depois de uma revisão de dados desenvolvida pelo comité de segurança do regulador europeu, que dava conta da possível existência de uma relação causal entre as duas vacinas da AstraZeneca e a mielite transversaL, uma inflamação que afeta a medula espinal em toda sua largura (transversal), bloqueando a transmissão dos impulsos nervosos que vão para cima e para baixo da medula espinal.

PUB

A diminuição da sensibilidade e paralisia das pernas e/ou braços são alguns dos sintomas, que deveM ser adicionados à lista de efeitos secundários da vacina da AstraZeneca, segundo avançou a agência Reuters.

O comité de segurança da EMA fez a mesma recomendação para a vacina Janssen, da Johnson & Johnson, de toma única. Apesar desta descoberta, o perfil dos riscos e benefícios traçado para ambas as vacinas permanece inalterado.

PUB
PUB
PUB

A vacina da AstraZeneca já esteve envolvida em vários contratempos desde que começou a ser comercializada, desde atrasos na produção a fiscalizações na sequência de relatos de casos raros de efeitos secundários graves, como coágulos sanguíneos, o que levou a que vários países (incluindo Portugal) limitassem ou suspendessem a sua utilização.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Covid-19

Mais Covid-19

Patrocinados