Autarca de Kiev diz a residentes para se prepararem para o pior

6 nov, 15:10
Vitali Klitschko (AP)

“Os nossos inimigos estão a fazer tudo para a cidade ficar sem aquecimento, sem eletricidade, sem fornecimento de água. Todos vamos morrer”, disse Vitali Klitschko aos meios de comunicação estatais

O presidente da câmara de Kiev, Vitali Klitschko, disse, este domingo, aos residentes da capital da Ucrânia para se prepararem para o pior, caso a Rússia mantenha os ataques a infraestruturas energéticas.

“Estamos a fazer tudo para o evitar. Mas, sejamos francos, os nossos inimigos estão a fazer tudo para a cidade ficar sem aquecimento, sem eletricidade, sem fornecimento de água. Todos vamos morrer”, disse Vitali Klitschko aos meios de comunicação estatais.

A operadora estatal de energia da Ucrânia, a Ukrenergo, já colocou partes da cidade de Kiev sob apagões rotativos, numa tentativa de fazer gestão da energia. O cenário repete-se nas regiões de Chernihiv, Cherkasy, Zhytomyr, Sumy, Kharkiv e Poltava.

Europa

Mais Europa

Patrocinados