Tribunais e conservatórias com sistema informático em baixo devido a "problema de comunicações"

Agência Lusa , FMC
19 jul, 13:09
Computador

Fonte judicial contou que os profissionais "não conseguem aceder aos e-mails, aos ofícios ou fazer qualquer comunicação por via eletrónica"

Um “problema de comunicações” está esta terça-feira a afetar vários serviços ligados ao Ministério da Justiça (MJ), nomeadamente tribunais e os registos e notariado, que têm os sistemas em baixo.

“Trata-se de um problema de comunicações que está a afetar o acesso aos sistemas e que estamos a procurar solucionar com a maior brevidade possível. Nos Registos, o pedido, renovação e entrega do Cartão de Cidadão continua disponível ‘offline’”, explicou o MJ, em resposta enviada à agência Lusa.

Fonte judicial contou à Lusa que os profissionais que trabalham nos tribunais “não conseguem aceder aos 'emails', aos ofícios ou fazer qualquer comunicação por via eletrónica”, acrescentando que os funcionários aperceberam-se dos problemas assim que chegaram ao local de trabalho.

O Sindicato dos Trabalhadores dos Registos e do Notariado (STRN) está a receber desde o início da manhã desta terça-feira, queixas de que as conservatórias, a nível nacional, estão sem acesso às aplicações informáticas, internet e email, de acordo com informação prestada à Lusa.

“Para o STRN é lamentável que situações destas aconteçam cada vez com mais frequência, mesmo porque não se pode falar numa verdadeira transição digital quando as aplicações estão datadas e os equipamentos são obsoletos”, refere este sindicato.

País

Mais País

Patrocinados