Sector de transporte de passageiros continua a recuperar

Agência Lusa , FMC
6 jun, 11:46
Transportes Lisboa (Foto: Jorge Ruiz/Flicrk)

O transporte de passageiros manteve a tendência de recuperação no primeiro trimestre, com crescimentos nos transportes aéreo, fluvial, ferroviário, metropolitano, rodoviário e de mercadorias, face ao mesmo período de 2021, segundo dados do INE, divulgados esta segunda-feira

Nos primeiros três meses do ano, os aeroportos nacionais movimentaram 8,3 milhões de passageiros, correspondendo a um crescimento de 465,7%, face ao mesmo período de 2021 e de 212,9% face ao trimestre precedente.

No entanto, comparando com o primeiro trimestre de 2019, antes da pandemia, registou-se uma diminuição de 25,4%.

No período em análise, foram transportados por comboio 37,6 milhões de passageiros e por metropolitano 46,2 milhões, que correspondem a subidas de 94,4% e 135,7%, respetivamente, face ao período homólogo de 2021.

Já comparativamente aos primeiros três meses de 2019, registou-se uma subida de 1,1% e uma descida de 25,8%, respetivamente.

Entre janeiro e março, o transporte de passageiros por via fluvial registou um aumento de 105,2% relativamente ao mesmo período do ano anterior e de 37,2% face ao trimestre precedente, atingindo 3,6 milhões de passageiros.

Face ao primeiro trimestre de 2019, verificou-se uma redução de 25,7%.

Relativamente ao transporte de mercadorias, por via aérea verificou-se um crescimento de 37,2% face ao trimestre homólogo do ano anterior, (+11,9% comparando com o primeiro trimestre de 2019).

Na ferrovia, registou-se um aumento de 5,3% face ao período homólogo de 2021 (+7,5% no trimestre anterior) e uma diminuição de 4,7% face a idêntico período de 2019.

Por via marítima, registou-se um acréscimo de 0,8% face ao primeiro trimestre de 2021 (-1,2% no 4ºT 2021), registando-se também uma redução relativamente ao primeiro trimestre de 2019 (-5,5%).

Por fim, o transporte por rodovia aumentou 8,5% e movimentou 39,9 milhões de toneladas, número idêntico ao do primeiro trimestre de 2019 (-0,03%).

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Empresas

Mais Empresas

Patrocinados