Covid-19: há mais de 900 farmácias onde pode fazer um teste gratuito. Conheça a mais próxima

Agência Lusa , HCL
14 dez 2021, 23:10
Farmácia. Foto: Agência Lusa
Farmácia. Foto: Agência Lusa

Os testes são gratuitos não apenas em farmácias, mas também em 438 laboratórios de patologia clínica e análises clínicas que aderiram a este regime excecional de comparticipação, de acordo com listagem da Autoridade Nacional do Medicamento

PUB

O número de farmácias que realizam testes comparticipados à covid-19 subiu desde o início do mês de 630 para mais de 900, tendo sido alcançado na sexta-feira o máximo diário de despistes, cerca de 73 mil.

Temos continuado a bater recordes atrás de recordes. Na sexta-feira passada, fizemos mais de 73 mil testes nas farmácias”, adiantou à Lusa a presidente da Associação Nacional das Farmácias (ANF), Ema Paulino.

PUB

Pode verificar todas as farmácias que realizam testes comparticipados através do site do Infarmed.

Segundo a presidente da ANF, para este incremento da testagem do coronavírus SARS-CoV-2 tem contribuído o aumento do número de farmácias que estão a realizar testes rápidos de antigénio (TRAg) de uso profissional gratuitos desde que o Ministério da Saúde aumentou, em 03 de dezembro, a comparticipação de 10 para 15 euros.

Desde que houve a atualização do valor, subiu das 630 para praticamente 900, o que é um aumento bastante significativo”, avançou Ema Paulino, ao adiantar que, além disso, muitas farmácias já “estão a conseguir fazer mais testes”.

PUB
PUB
PUB

De acordo com a responsável da ANF, há ainda um “grupo significativo de farmácias” que está a aguardar a autorização para passar a fazer estes testes comparticipados, o que vai permitir aumentar a capacidade de testagem, principalmente para os períodos que serão de maior procura, caso dos dias que antecedem o Natal e o Ano Novo.

Em relação aos autotestes adquiridos nas farmácias, Ema Paulino adiantou que continua a existir uma “libertação controlada” (rateio), face à grande procura, com algumas farmácias a estabelecerem limites do número por pessoa.

Uma newsletter para conversarmos - Decisão 22

Envie-nos as suas questões e sugestões de temas, responderemos pela caixa do correio

Saiba mais

Covid-19

Mais Covid-19

Patrocinados