Tedros Ghebreyesus reeleito diretor-geral da OMS (e era o único candidato)

Agência Lusa , CF
24 mai, 17:39
Tedros Adhanom Ghebreyesus - OMS

Este é o segundo mandato de Tedros Ghebreyesus, que só poderá cumprir mais um

A Assembleia Mundial da Saúde reelegeu esta terça-feira formalmente o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, para um segundo mandato de cinco anos.

O etíope de 57 anos era o único candidato à posição e foi confirmado esta terça-feira durante a 75.ª Assembleia.

Ghebreyesus só poderá cumprir mais um mandato, que começa oficialmente no dia 16 de agosto.

Antes de dirigir a OMS, o médico Tedros Ghebreyesus foi ministro dos Negócios Estrangeiros e da Saúde da Etiópia entre 2005 e 2016 e esteve à frente do fundo global de combate à Sida, Tuberculose e Malária.

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Mundo

Mais Mundo

Patrocinados