Taiwan prepara-se para confronto com a China: pela primeira vez, mulheres vão poder integrar treino da força de reserva

CNN , Wayne Chang*
20 jan, 14:00
As forças armadas de Taiwan realizam exercícios para mostrar prontidão de combate antes do feriado do Ano Novo Lunar, numa base militar em Kaohsiung. Créditos: Annabelle Chih/Getty Images

As Forças Armadas de Taiwan apresentaram esta semana planos para permitir que as mulheres integrem, pela primeira vez, o treino da força de reserva, enquanto a China continua a aumentar a pressão militar sobre a ilha.

O Ministério da Defesa de Taiwan autorizou que 220 mulheres reservistas se inscrevam no treino, a partir do segundo trimestre deste ano.

O major-general Yu Wen-cheng, da Agência de Mobilização de Defesa do Ministério, disse que a mudança seria numa base experimental, pelo menos este ano.

O Ministério da Defesa de Taiwan disse anteriormente que só treinou reservistas masculinos porque não tinha capacidade suficiente para acomodar ambos os sexos.

Os legisladores taiwaneses alertaram, no entanto, que excluir as mulheres do treino das reservas equivalia à discriminação de género.

Em dezembro, Taiwan anunciou o alargamento do período de recrutamento militar obrigatório para todos os homens elegíveis de quatro meses para um ano a partir de 2024, e o requisito aplicar-se-á aos homens nascidos após 2005.

Taiwan tem uma força militar de cerca de 170.000 operacionais, composta na sua maioria por voluntários, ao mesmo tempo que treina anualmente cerca de 120.000 reservistas, de acordo com o CIA World Factbook.

Os homens com idades compreendidas entre os 18 e os 36 anos devem ser voluntários para servir nas Forças Armadas ou cumprir um período de serviço obrigatório na reserva.

Uma vez dispensados, os homens são sujeitos a períodos de treino em quatro momentos ao longo de oito anos.

Em 2021, as mulheres representavam 15% dos militares de Taiwan, mas servem principalmente em funções não combatentes, indica o Factbook da CIA.

*Brad Lendon contribuiu para este artigo

Relacionados

Ásia

Mais Ásia

Patrocinados