Surfista Vasco Ribeiro anuncia paragem por motivos de saúde mental

12 ago, 23:16
Vasco Ribeiro (Instagram)

«Tinha pouca vontade para fazer as coisas que me são mais importantes, e, por isso, chegou a altura de pedir ajuda profissional para conseguir voltar um dia a lutar pelos meus sonhos», escreveu

O surfista Vasco Ribeiro aunciou que vai estar fora das competições durante algum tempo para se focar na saúde mental.

Vasco Ribeiro, campeão nacional em diferentes categorias, campeão europeu e campeão mundial júnior, assumiu que o último ano foi muito desafiante e que sentiu agora ter a necessidade de procurar ajuda profissional.

«Enquanto estamos a ganhar tudo parece fácil, e muitas vezes não nos apercebemos do quão difícil é a vida de um atleta de alto rendimento. O último ano tem sido bastante desafiante, e tem vindo a piorar de uma maneira que eu sozinho já não estava a conseguir gerir. Tinha pouca vontade para fazer as coisas que me são mais importantes, e, por isso, chegou a altura de pedir ajuda profissional para conseguir voltar um dia a lutar pelos meus sonhos», referiu numa mensagem nas redes sociais.

«Decidi que neste momento o mais importante é focar-me e investir tempo na minha saúde mental, pois é dela que parte tudo o resto: a estabilidade, a família, os amigos, os resultados, etc… Este é o meu compromisso, e tenho duas filhas lindas que são o meu maior motor e motivação para esta nova fase», acrescentou.

A mensagem completa de Vasco Ribeiro:

«Comecei a competir com apenas 9 anos, e logo na primeira prova, comecei a vencer. Na minha carreira, tudo aconteceu com muita rapidez, intensidade e sucesso. Fui campeão nacional em todas as categorias, campeão Europeu, e também campeão do mundo. O meu sonho sempre foi entrar no World Tour e ser Campeão do Mundo. No entanto, enquanto estamos a ganhar tudo parece fácil, e muitas vezes não nos apercebemos do quão difícil é a vida de um atleta de alto rendimento.

O último ano tem sido bastante desafiante, e tem vindo a piorar de uma maneira que eu sozinho já não estava a conseguir gerir. Tinha pouca vontade para fazer as coisas que me são mais importantes, e por isso, chegou a altura de pedir ajuda profissional para conseguir voltar um dia a lutar pelos meus sonhos.

Decidi que neste momento o mais importante é focar-me, e investir tempo na minha saúde mental, pois é dela que parte tudo o resto: a estabilidade, a família, os amigos, os resultados, etc… Este é o meu compromisso, e tenho duas filhas lindas que são o meu maior motor e motivação para esta nova fase.

 

Irei estar fora das competições e do mar durante algum tempo, sabendo que estou focado no meu futuro, e disposto a lutar até ao último segundo como sempre fiz em competição. Vou também estar afastado das redes sociais até me sentir preparado para voltar.

 

Obrigado a todos que ao longo destes anos sempre me apoiaram e incentivaram.»

 

 

Relacionados

Patrocinados