Amorim: «Estoril? Mesmo depois das festas todas acho que cumprimos»

11 mai, 20:29
Estoril-Sporting 8RODRIGO ANTUNES/LUSA)

Treinador do Sporting referiu que foram superiores ao adversário e deixou elogios a Menino e Diogo Pinto

Ruben Amorim, treinador do Sporting, em declarações na flash interview da SportTV, após a vitória por 1-0 frente ao Estoril, em jogo da 33.ª jornada da Liga:

[Recorde de vitórias e pontos?] «Sim, os pontos e as vitórias eram objetivos. Acabámos por consegui-lo. Mas acima de tudo pela forma como jogamos. Demos apenas uma oportunidade ao Estoril e controlamos o jogo. Às vezes com alguma dificuldade em criar oportunidades, mas fomos claramente superiores. Voltámos a não sofrer golos e vou muito satisfeito para casa».

[Dificuldade do jogo] «Já sabíamos. o vento dificultou o jogo das duas equipas, mas quanto a mim tivemos sempre o controlo do jogo. O Guitane com algumas saídas com a bola controlada. Tivemos algumas bolas boas para finalizar, mas não o fizemos muito bem. Um jogo muito completo, mesmo depois das festas todas acho que cumprimos e vencemos o jogo».

[Virar a página depois da festa do Marquês] «A equipa treinou bem, mas obviamente que isto não sai facilmente. A festa que foi e a importância do título. Mas respondemos de uma maneira muito boa. Fomos competentes no jogo e agora temos um em nossa casa, onde vamos festejar com os nossos adeptos. Querer ganhar, aumentar o número de pontos, festejar ao máximo e arrumar de vez o campeonato. Esta semana vamos cumprir o que temos de cumprir, marcar golos, não sofrer, festejar e depois virar a página».

[Significado de 22 anos depois repetir a dobradinha] «O mesmo significado para qualquer Sporting depois da época que fizemos temos de dar o máximo para vencer a taça. Se não ganharmos vamos sentir que faltou alguma coisa. Ainda temos o jogo do campeonato, conta para os pontos e para aumentar o número de vitórias. Conta para termos ritmo e encararmos a final da melhor forma».

[Importância das estreias de Diogo Pinto e Miguel Menino] «Sem dúvida! O Diogo Pinto não se notou nada. Muito tranquilo, bem com os pés e com boa potência a bater bola na frente. Toda a equipa ajudou e isso ajuda o guarda-redes a passar o tempo e a estar tranquilo. O Menino cresceu na academia e por vezes há uns que têm de ir para outros lados e depois poderão voltar ou não, mas a forma como sempre nos ajudou no treino merece ser campeão nacional. Deixar uma palavra a toda a gente na academia. Muito do sucesso vem do trabalho dos treinadores e da Academia. Mais minutos de Menino e Diogo Pinto na próxima temporada? Vamos ver, temos de fechar esta e depois pensar na próxima».

Relacionados

Sporting

Mais Sporting

Patrocinados