Youth League: Sporting bate Liverpool e garante presença inédita nas «meias»

14 mar, 15:03
Sporting festeja golo de Rodrigo Ribeiro frente ao Liverpool, na Youth League (Photo by Carlos Rodrigues/Getty Images)

Triunfo dos leões por 1-0

O Sporting quebrou o enguiço e apurou-se pela primeira vez para as meias-finais da Youth League, (a terceira equipa portuguesa a consegui-lo, depois de Benfica e FC Porto) depois de vencer nos quartos de final o Liverpool, por 1-0.

Com esta presença nos «quartos», o clube de Alvalade já tinha igualado o melhor registo na competição – no ano passado caiu nesta fase frente ao rival Benfica –, mas esta época os leõezinhos quiseram ir mais longe.

O adversário voltava a equipar de vermelho, mas desta feita o Sporting foi superior e garantiu o inédito em Alcochete, na Academia Cristiano Ronaldo.

Mas o início não foi fácil.

Os homens de Felipe Çelikkaya não entraram da melhor maneira e o Liverpool foi uma equipa que esteve confortável durante largos minutos da primeira parte. Ofensivamente pouco acutilante, é verdade, mas ainda assim a controlar as operações junto da sua baliza.

Na esquerda estava o ouro

Nos últimos minutos da primeira parte, no entanto, o Sporting percebeu que o mapa da mina estava no lado esquerdo do ataque, o direito da defesa do Liverpool. Afonso Moreira foi chamado à ação e os leões partiram para cima do Liverpool.

É que foi por aí, maioritariamente, que a formação de Alvalade começou a incomodar o adversário inglês, carrasco do FC Porto na eliminatória anterior.

Rodrigo Ribeiro sabe como se faz

Afonso Moreira e Rodrigo Ribeiro ameaçaram três vezes em cima do intervalo, e depois de Callai ter brilhado perante Frauendorf na única defesa difícil que fez nos 90 minutos, Ribeiro traduziu o domínio leonino no resultado.

Foi aos 65 minutos que o avançado, já com minutos na Liga dos Campeões dos graúdos, fez o 1-0 para o Sporting, mais do que justo.

FILME E FICHA DE JOGO.

A partir daí, os leões foram gerindo as incidências da partida, sempre sem permitir grandes ameaças do Liverpool – só Stephenson, do meio da rua, assustou Callai.

De tal maneira, que em Alcochete foi-se sentindo mais o 2-0 do que propriamente o 1-1 que levaria o encontro a ser decidido nos penáltis.

Por fim, nem 2-0 nem 1-1: foi mesmo o 1-0 a garantir o feito inédito do Sporting: na final four, que decorre de 21 a 24 de abril, os leões vão defrontar nas «meias» o vencedor do desafio entre o AZ Alkmaar e o Real Madrid.

Relacionados

Sporting

Mais Sporting

Patrocinados