Amorim: «Sou um treinador com sorte, no dia em que o Neto perde a cabeça, ganhamos por 3-0»

18 dez 2021, 22:57
Ruben Amorim no Gil Vicente-Sporting (Manuel Fernando Araújo/LUSA)

Gil Vicente-Sporting, 0-3 (reportagem)

Ruben Amorim, treinador do Sporting, em declarações à Sport TV, depois da vitória sobre o Gil Vicente (3-0), em Barcelos, em jogo da 15.ª jornada da Liga:

[Uma expulsão para cada lado, como lidou com essas dificuldades?]

- Não consigo explicar a primeira parte, foi tudo muito confuso, quando levantei a cabeça já estava nos 42 minutos. Expulsão, depois outra expulsão, penálti falhado, o tempo passou a correr. Depois do intervalo foi uma adaptação dos dois treinadores. Depois nos temos visto em vantagem, por sermos muitos consistentes, muito sólidos, os nossos jogadores fizeram valer a sua qualidade técnica. A nossa equipa defendia, depois atacava, parecia um jogo de andebol, mas tivemos vantagem pela qualidade técnica. Depois do primeiro golo, chamámos muitas vezes o Gil Vicente, tivemos várias bolas em que podíamos ter feito golo, fizemos três, podíamos ter feito mais.

[Entrada de Nuno Santos foi determinante?]

- Sim, tiramos o Pablo [Sarabia] porque o Nuno está habituado a fazer o corredor todo. O Pablo estava bem, mas estamos habituados a jogar com três centrais e o Seba teve que ir muitas vezes ao corredor buscar um jogador. Quis meter os nossos jogadores nas suas posições. Foi uma opção, correu bem. O Nuno, pelo trabalho que tem vindo fazer, sente-se muito cómodo no corredor, fez um excelente golo. O Geny também estava pronto para entrar e jogar na linha, mas o golo do Nuno mudou tudo.

[Expulsão de Neto?]

- O Neto vive muito isto, influência os outros, mas perdeu um pouco a noção. Mas sou um treinador com sorte, no dia em que o Neto perde a cabeça, ganhámos por 3-0. Da próxima vez ele aprende. Quando um treinador vai dar um raspanete ao Neto, olha para a cara dele e não vale a pena. Ele sabe o que não fez bem, não vale a pena estar a dizer-lhe.

[Dez vitórias consecutivas?]

- Onze é que gostaria de alcançar. Temos agora a Taça de Portugal, não queremos ficar de fora de nenhuma competição, muito menos da Taça, temos essa responsabilidade. Vamos jogar com o Casa Pia, depois vamos pensar no campeonato. Essas dez vitórias já passaram, agora queremos mais uma.

 

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Sporting

Mais Sporting

Patrocinados