Pote: «O Marselha tem zero pontos, mas nós no ano passado também tínhamos»

3 out, 19:19
Pedro Gonçalves

Médio desvaloriza a carreira do Marselha na Champions, tal como o jogo desta terça-feira ser à porta fechada

Pedro Gonçalves foi o porta-voz das expetativas do Sporting para o jogo desta terça-feira com o Marselha, no Estádio Vélodrome, relativo à terceira jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões.

«As expetativas são sempre iguais, entramos sempre para ganhar. Sabemos que é um jogo complicado, conhecemos o potencial do Marselha, estes jogos da Champions são sempre decididos no detalhe, vamos estar preparados para fazer o nosso melhor jogo e conquistar os três pontos», começou por enunciar em conferência de imprensa.

Um jogo que vai disputar-se à porta fechada, sem adeptos no estádio, uma vez que o Marselha está castigado pela UEFA pelo mau comportamento dos seus adeptos no jogo com o Eintracht Frankfurt.

«Sabemos que é diferente jogar com um estádio cheio ou jogar à porta fechada, mas sabemos que o Marselha tem grandes individualidades, tem um grande potencial como equipa. É sempre uma equipa forte, à porta fechada ou com adeptos, vai ser sempre um jogo complicado e esperamos encontrar um grande adversário», comentou.

O Marselha ainda não somou qualquer ponto, nem marcou um golo na fase de grupos, mas Pote não valoriza esse facto. «Penso que não, o Marselha, apesar de ter zero pontos, está a fazer um grande campeonato, está a dois pontos do primeiro lugar e ainda não tem derrotas. Nós o ano passado, também não tivemos vitórias nos dois primeiros jogos e conseguimos passar. Este ano pode tocar a eles, mas nós vamos entrar para ganhar e para fazer o nosso jogo», destacou.

Pedro Gonçalves já tem cinco golos na Liga, mas ainda não marcou esta época na Liga dos Campeões. «O principal é sempre a equipa, espero que a equipa faça um grande jogo e consigamos os três pontos, se depois eu marcar, fico contente. Quando os meus colegas marcam, eu sou o primeiro a ir festejar com eles. Fico sempre contente, seja eu ou outro colega a marcar», referiu

Uma competição que pode abrir as portas do médio à seleção que, no final do ano, vai estar na fase final do Mundial2022. «Claro que é um sonho para mim, trabalho todos os dias para poder estar num Mundial ou num Europeu. Vou aguardar pela convocatória porque vou dar o meu melhor para conseguir estar», comentou.

A última pergunta foi sobre o treinador Ruben Amorim e a forma como ajudou Pedro Gonçalves a evoluir. «Toda a gente sabe as qualidades do mister Ruben Amorim. Foi-me buscar ao Famalicão, trouxe-me para uma nova posição, ajudou-me a assimilar as ideias de jogo. Evoluí bastante com o mister, espero evoluir mais. É um excelente treinador, fala connosco sobre tudo e estou muito feliz por trabalhar com ele», destacou ainda Pedro Gonçalves.

Relacionados

Sporting

Mais Sporting

Patrocinados