A história de Angong: da Rep. Dominicana à Covilhã, via Barcelona

30 ago 2021, 16:33
Frank Angong (facebook Angong)

Avançado tem apenas 19 anos, nasceu nos Camarões já andou por várias partes do mundo

A notícia surpreendeu os adeptos do futebol nesta segunda-feira: o Sp. Covilhã, da II Liga, garantiu um avançado dos quadros do FC Barcelona. Para além disso, antes de chegar ao clube catalão, Frank Angong jogava num clube da República Dominicana.

Aos 19 anos, portanto, o reforço do Sp. Covilhã já tem uma história rica, com passagens por várias partes do globo terrestre. O ciclo mais conhecido é este e já desperta interesse: em 2020 trocou o calor da República Dominicana pelo clima ameno de Barcelona, em 2021 sai da Catalunha para experimentar o frio da Covilhã.

Frank Angong, porém, nasceu nos Camarões. Foi em África, aliás, que começou a jogar e a demonstrar talento na Fundación Samuel Eto'o. 

Por essa altura, entrou em cena Albert Benaiges, treinador nascido no México e com longo historial de ligação ao Barcelona. Foi um dos homens, aliás, que descobriu Andrés Iniesta.

Albert Benaiges tornou-se tutor dos irmãos Frank e Francky Angong (Francky está atualmente no Levante) e levou os jovens para Barcelona. Frank, o reforço do Sp. Covilhã, passou pelo Unión Esportiva Cornellà de Barcelona e, quando Benaiges foi trabalhar para o Dubai (Al-Wasl) e o México (Chivas), acompanhou o homem que trata como «pai».

Em janeiro de 2015,  Albert Benaiges rumou à República Dominicana para assumir um cargo no Cibao FC e foi nesse clube que Frank Angong despontou, chegando à equipa principal em 2018, ainda com 15 anos.

Dois anos mais tarde, pouco antes do regresso de Benaiges ao FC Barcelona, o clube anunciou a contratação de Frank Angong para a equipa de sub-19.

«Fui de férias ver a minha família aos Camarões, treinei no Bétis quando voltei, havia interesse também do Cornellá e do Levante. Entretanto, o meu pai diz-me que me iam ligar do Barcelona para me ver, também. Fui, fiz um jogo contra a equipa juvenil, os dirigentes ficaram convencidos e contrataram-me», explicou Frank ao futboldominicano.net.

Após uma temporada nos juniores do Barcelona e com a equipa B no horizonte, o jovem avançado seguiu novo destino inesperado na carreira, rumando ao Sp. Covilhã para jogar na II Liga portuguesa.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Patrocinados