Estrondo ouvido em Washington após queda de avião perseguido por caças

CNN , SM
5 jun 2023, 00:00
Um caça F-16 Fighting Falcon prepara-se para aterrar no aeródromo militar dos EUA em Spangdahlem, na Alemanha. Harald Tittel/dpa/Reuters

Várias pessoas foram surpreendidas por um grande estrondo, este domingo, após a queda de um avião seguido por caças F-16, nos EUA.

Uma aeronave despenhou este domingo no sudoeste de Virgínia, nos EUA, resultando num ruidoso estrondo que foi sentido em toda a região metropolitana de Washington, D.C. Quatro pessoas estavam a bordo.

Uma fonte oficial do governo norte-americano revela que foram mobilizados caças F-16 para seguirem o avião, mas não explica as razões para tal. Apenas garante que não foi abatido pelos mesmos.

A verdade é que, até ao momento, ainda está a ser apurado se se tratou de uma violação do espaço aéreo ou de uma emergência a bordo, que tenha implicado a intervenção dos caças. 

"Estamos cientes dos relatos em toda a Região da Capital Nacional, de um grande "boom" esta tarde”, lê-se no Twitter da DC Homeland Security & Emergency Management. A agência acrescentou ainda que não há nenhuma ameaça atualmente, mas o momento foi registado e divulgado por vários internautas nas redes sociais. 

 

A Administração Federal de Aviação tinha confirmado anteriormente, em comunicado, que um avião Cessna Citation caiu no sudoeste de Virgínia, este domingo. Segundo a agência governamental, a aeronave que descolou do Aeroporto Municipal de Elizabethton, no Tennessee, tinha como destino o Aeroporto MacArthur de Long Island, em Nova Iorque. Mas caiu numa área montanhosa e "pouco povoada". 

Já o Gabinete de Gestão de Emergências de Annapolis, em Maryland, afirma que o som "foi causado por um voo autorizado" pelo Departamento de Defesa norte-americano, surpreendendo muitas pessoas com o ruído causado. 

E.U.A.

Mais E.U.A.

Mais Lidas

Patrocinados