opinião

Ainda o SNS

20 jun, 07:00

Notas soltas

Algumas, muitas urgências de ginecologia e obstetrícia estão encerradas por falta de médicos. O assunto ganhou uma dimensão relevante e chegou naturalmente ao debate político. A ministra da Saúde reagiu nomeando uma comissão de acompanhamento. Escolheu o director do serviço de obstetrícia do hospital de Santa Maria para liderar essa comissão. Não conheço o médico em questão. Sei apenas que é natural do Porto. 

O meu ponto é o seguinte, ou melhor, é uma pergunta: Por que razão nunca há problemas destes no hospital de S. João do Porto? O que é que se passa? Porque razão é que há anos o S. João é avaliado como o melhor hospital do país? Este assunto merecia uma reportagem especial. Se eu estivesse no lugar de Marta Temido, teria escolhido o director de obstetrícia do S. João. Este médico devia ser ouvido para percebermos porque é que não há problemas na urgência do segundo maior hospital do país. Mas isto sou eu a pensar.

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Colunistas

Mais Colunistas

Patrocinados