Nova linha SNS Grávida atendeu 450 chamadas nos primeiros três dias

Agência Lusa , DCT
4 jun, 12:57
Grávida

Este novo canal de atendimento direto de grávidas pretende dar “resposta à procura de urgências de ginecologia/obstetrícia, enquanto área em que se sentem maiores dificuldades no Serviço Nacional de Saúde” (SNS).

A nova Linha SNS Grávida, que entrou em funcionamento no dia 1 no âmbito do plano de emergência da Saúde, atendeu 450 chamadas de grávidas nos primeiros três dias de funcionamento, anunciou hoje a ministra da Saúde.

Ana Paula Martins falava aos jornalistas à margem de uma visita à Linha SNS Grávida, disponível desde sábado no mesmo número do SNS 24 (808 24 24 24) para encaminhar as utentes para a urgência mais próxima da sua área de residência.

Este novo canal de atendimento direto de grávidas pretende dar “resposta à procura de urgências de ginecologia/obstetrícia, enquanto área em que se sentem maiores dificuldades no Serviço Nacional de Saúde” (SNS).

A linha SNS Grávida é uma das medidas urgentes previstas no plano para a saúde que o Governo aprovou na quarta-feira, com o objetivo de organizar o circuito da grávida, em particular em situações de urgência, garantindo uma “resposta de qualidade e segurança”.

“Através desta linha de atendimento, as grávidas terão acesso a profissionais qualificados e capacitados que estarão disponíveis para oferecer orientação personalizada, tranquilizando as gestantes e proporcionando-lhes confiança durante todo o processo de prestação de informação e direcionamento para unidades de saúde com capacidade efetiva de assistência”, refere o plano.

País

Mais País

Patrocinados