TPI emite mandados de captura para Sergei Shoigu e Valery Gerasimov

Agência Lusa , DCT
25 jun, 12:19
As primeiras imagens de Shoigu após a rebelião de Prigozhin (AP)

No ano passado, o tribunal emitiu também um mandado de captura contra o Presidente russo, Vladimir Putin, acusando-o de responsabilidade pessoal pelos raptos de crianças na Ucrânia

O Tribunal Penal Internacional (TPI) emitiu esta terça-feira mandados de captura internacionais para o ex-ministro russo da Defesa e para o chefe de gabinete por terem atacado alvos civis na Ucrânia.

O tribunal acusa o antigo ministro da Defesa Sergei Shoigu e o chefe do Estado-Maior General das Forças Armadas russas, Valery Gerasimov, de crimes de guerra e do crime contra a humanidade de atos desumanos.

Num comunicado, o TPI sublinhou que os mandados foram emitidos porque os juízes consideraram que havia motivos razoáveis para acreditar que os homens são responsáveis por "ataques com mísseis realizados pelas forças armadas russas contra a infraestrutura elétrica ucraniana" de 10 de outubro de 2022 até pelo menos 09 de março de 2023.

"Durante esse período, um grande número de ataques contra várias centrais de produção de energia elétrica e subestações foram realizados pelas forças armadas russas em vários locais na Ucrânia", acrescentou o tribunal.

No ano passado, o tribunal emitiu também um mandado de captura contra o Presidente russo, Vladimir Putin, acusando-o de responsabilidade pessoal pelos raptos de crianças na Ucrânia.

Europa

Mais Europa

Patrocinados