Prisão preventiva para segurança do Cais do Sodré

12 jul, 14:02
Intervenção policial no Cais do Sodré

Além dos crimes de roubo e ofensas qualificadas à integridade física, este suspeito está indiciado por um crime de violação

Um dos seguranças detidos no fim de semana, numa megaoperação da PSP, vai ficar em prisão preventiva, segundo apurou a TVI/CNN Portugal.

O suspeito está indiciado por quatro crimes de roubo, seis crimes de ofensas qualificadas à integridade física e um de violação, todos alegadamente praticados na noite de Lisboa após a reabertura dos bares após as restrições pandémicas.

Dos quatro seguranças detidos no sábado, dois ficaram sujeitos a apresentações trissemanais e ainda proibidos de exercer funções de segurança privada. Um outro ficou sujeito a apresentações semanais. 

A megaoperação teve início às 23:30 de sábado e terminou por volta das 03:00 de domingo. Decorreu na zona do Cais do Sodré, Bairro Alto e Rua Cintura do Porto de Lisboa.

Esta ação de fiscalização foi acompanhada em exclusivo pela CNN Portugal, que testemunhou as buscas em pelo menos oito espaços de diversão noturna. Quatro foram encerrados provisoriamente. 

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados