Alec Baldwin sobre a morte de Halyna Hutchins: "Eu não premi o gatilho"

2 dez 2021, 09:38

Ator norte-americano deu a primeira entrevista após o incidente, garantindo, num excerto divulgado da conversa com a ABC, que a arma que tinha na mão durante as filmagens de "Rust" não matou a diretora de fotografia

PUB

Alec Baldwin falou, pela primeira vez numa grande entrevista, da tragédia que aconteceu durante as filmagens de "Rust", garantindo, à estação norte-americana ABC, que não disparou a arma que matou a diretora de fotografia, Halyna Hutchins.

Questionado pelo jornalista George Stephanopoulos sobre o porquê de ter apontado a arma e ter disparado, quando a cena não estava sequer no guião, Alec Baldwin assegurou, ainda, que nunca o faria.

PUB

Nunca apontaria uma arma a alguém e depois premiria o gatilho, nunca. O gatilho não foi premido. Eu não premi o gatilho", afirmou o ator norte-americano, num excerto divulgado da entrevista, que vai ser exibida na noite desta quinta-feira.

 

Alec Baldwin disse, também, que não faz ideia como foi possível carregar o adereço, uma Colt.45, com uma bala verdadeira.

"Alguém colocou uma bala verdadeira na arma, uma bala que não era suposto estar sequer no local das filmagens", apontou.

Visivelmente emocionado, o ator lembrou que Halyna Hutchins era "adorada e admirada por todos os que trabalhavam com ela", assumindo que está "sempre a pensar" no que poderia ter feito para evitar o que aconteceu.

PUB
PUB
PUB

"Não me parece real", desabafou.

A diretora de fotografia de "Rust" foi morta a tiro a 21 de outubro, durante as filmagens, quando Alec Baldwin ensaiava um disparo.

De acordo com a Associated Press, que cita os registos da investigação, o acidente aconteceu quando a equipa de filmagem se preparava para ensaiar uma cena e o assistente de realização Dave Halls foi buscar uma arma de adereço que entregou a Alec Baldwin gritando a expressão "cold gun", o que significa que era seguro usar a arma, por não estar carregada com munições verdadeiras.

Quando Baldwin pegou na arma, atingiu fatalmente Halyna Hutchins e feriu o realizador Joel Souza.

A arma era uma de três colocadas num carrinho de adereços, de onde foi retirada por Dave Halls, que a entregou a Alec Baldwin sem saber que estava carregada com cartuchos verdadeiros, segundo os registos da investigação.

Não há ainda certezas sobre quantos cartuchos foram disparados e um invólucro foi retirado da arma depois do acidente pela responsável do armeiro no local de rodagem, Hannah Gutierrez. A arma foi entregue à polícia quando chegou ao local.

PUB
PUB
PUB

Não foi feita qualquer detenção ou acusação até ao momento.

 

Relacionados

Uma newsletter para conversarmos - Decisão 22

Envie-nos as suas questões e sugestões de temas, responderemos pela caixa do correio

Saiba mais

Artes

Mais Artes

Patrocinados