Saiba tudo sobre o Euro aqui

Campanha de Fonseca e Castro (Ergue-te) marcada por confrontos violentos junto à sede do Bloco de Esquerda

20 mai, 22:51

Imagens obtidas pela CNN Portugal mostram violentos confrontos perto da Avenida Almirante Reis, em Lisboa

Uma pessoa foi agredida esta segunda-feira durante uma ação do partido Ergue-te, junto à sede nacional do Bloco de Esquerda, em Lisboa.

Os agressores estavam identificados com símbolos do partido nacionalista de extrema-direita e do grupo extremista Habeas Corpus, liderado pelo antigo juiz Rui Fonseca e Castro.

As imagens, obtidas em exclusivo pela CNN Portugal, mostram uma agressão contra um homem no meio da rua.

Rui Fonseca e Castro, cabeça de lista do Ergue-te às eleições europeias, estava no local no momento das agressões com um microfone na mão.

Contactado pela CNN Portugal, o antigo juiz justificou-se ao dizer que os membros do partido foram provocados pelo homem.

A ação de campanha foi interrompida e os ânimos acabaram por se exaltar.

Algumas das pessoas envolvidas nos confrontos utilizavam camisolas afetas ao grupo Habeas Corpus, uma organização que, tal como o Ergue-te, diz querer refundar a nação.

Este não é o primeiro caso de altercações a envolver membros do partido e esta campanha em concreto. Na semana passada alguns membros do gripo e o próprio Rui Fonseca e Castro invadiram uma sessão que debatia questões de género em Cabeceiras de Basto.

Rui Fonseca e Castro tornou-se conhecido por fazer vídeos com mensagens negacionistas durante a pandemia de covid-19, nomeadamente através de diretos no Facebook.

Acabou expulso da magistratura precisamente por propagação de mensagens negacionistas e de teorias da conspiração.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados