Famosa catedral francesa de Rouen está a arder

CNN Portugal , AM - notícia atualizada às 13:46
11 jul, 12:09
Catedral de Rouen (AP)

Catedral está a ser alvo de obras e o fogo terá começado no pináculo

A catedral gótica da cidade francesa de Rouen incendiou-se esta quinta-feira, avança a Reuters que cita uma publicação do presidente da câmara no X. Segundo a agência, a catedral é muito conhecida por ter sido pintada várias vezes pelo pintor impressionista francês Claude Monet no século XIX. 

De acordo com o Figaro, a catedral está a ser alvo de obras e o fogo terá começado no pináculo da igreja.

Segundo o Ministério da Cultura, o incêndio foi causado por "manuseamento incorreto" no local de restauração do pináculo da catedral, que é feito de metal. Já a autarquia de Seine-Maritime, contactada pela AFP, "o incêndio deflagrou no topo do pináculo, que não é de madeira mas sim de metal, e que está atualmente a ser alvo de obras de restauro".

A catedral foi evacuada e foi montado um perímetro de segurança, com a autarquia a apelar às pessoas "a que não se desloquem ao local para deixar trabalhar os serviços de emergência".

De acordo com a Reuters, que cita o chefe dos bombeiros Stephane Gouezec, no local estão cerca de 70 bombeiros apoiados por 40 carros e a parte do pináculo onde deflagrou o incêndio situa-se a cerca de 120 metros acima do solo.

"Chegámos ao local do incêndio há cerca de meia hora e estamos a tentar apagar o fogo. Ainda vamos precisar de algum tempo, talvez uma hora ou mais, para nos certificarmos de que não há pontos quentes na área", afirmou o chefe dos bombeiros aos jornalistas.

O fogo deflagrou no pináculo de ferro fundido de 151 metros de altura - um dos mais altos da Europa - numa altura em que decorre a fase final de uma renovação geral da catedral que está a decorrer desde 2015. O pináculo estava a ser renovado há vários anos e estava rodeado de andaimes e de uma cobertura branca.

O incidente vivido esta quinta-feira em Rouen despertou memórias do incêndio que destruiu a catedral de Notre-Dame, em Paris, em 2019, que também começou durante as obras de renovação. Já em abril deste ano, um incêndio destruiu a Antiga Bolsa de Valores de Copenhaga.

Europa

Mais Europa

Patrocinados