Recluso fugiu enquanto pastoreava cabras em Sintra

Agência Lusa , RL
6 fev 2023, 23:11
Estabelecimento prisional (Lusa/Tiago Petinga)

O recluso, de 26 anos, está em fase final de cumprimento de uma pena de 10 anos

Um recluso do Estabelecimento Prisional do Linhó, em Sintra, no distrito de Lisboa, que se encontrava em regime aberto no pastoreio de cabras, ausentou-se ilegitimamente no sábado e está em fuga, adiantou esta segunda-feira à Lusa fonte dos serviços prisionais.

A Direção-Geral de Reinserção e Serviços Prisionais (DGRSP) explicou, em comunicado enviado à Lusa, que o recluso, de 26 anos, encontrava-se em regime aberto e, por isso, com “vigilância descontinuada”.

Ausentou-se, no sábado, “ilegitimamente dos terrenos do estabelecimento prisional”, referiram os serviços prisionais, acrescentando que foram alertadas as forças policiais para a “sua rápida recaptura”.

“O recluso evadido (…) está em fase final de cumprimento de uma pena de 10 anos por crimes de furto e roubo”, destacou a DGRSP.

A mesma fonte acrescentou que “foi aberto processo de averiguações interno para apurar as circunstâncias desta ocorrência”.

 

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Mais Lidas

Patrocinados