Rafael Ramos preso, Corinthians paga fiança e jogador português explica-se

15 mai, 09:31
Rafael Ramos e Edenilson

Acusado de racismo, ex-Santa Clara foi ao balneário falar com adversário

Rafael Ramos, português que joga no Corinthians, foi detido no estádio Beira-Rio na sequência de uma acusação de racismo por parte de Edenilson, jogador do Internacional de Porto Alegre. O jogador português saiu em liberdade após o Timão ter pagado a fiança, informa a imprensa brasileira.

Rafael Ramos explicou-se sobre o mesmo à imprensa, já depois de ter ido ao balneário do Internacional falar com Edenílson e o diretor do futebol, Roberto Andrade, revelou o que Ramos disse.

«Foi puramente um mal-entendido entre mim e ele, fui ter com o Edenilson e tivemos uma conversa tranquila. Expliquei o que tinha acontecido, explicou o que tinha entendido, que não é verdade. Eu expliquei o que disse. Ele disse que tinha receio de passar por mentiroso, eu disse que não era mentiroso nenhum, apenas entendeu errado o que eu disse. Apertámos a mão e desejei-lhe boa sorte», contou Ramos.

Ramos não quis revelar o que disse a Edenílson apesar da insistência dos jornalistas, mas o diretor do futebol do Timão, Roberto Andrade, disse-o e considera que na base de tudo pode também estar o sotaque de Portugal de Rafael Ramos.

No Instagram, Rafael Ramos também defendeu a sua honra e garante que se há certeza que tem é a de que não é racista.

Patrocinados