Quinas de Ouro: Ronaldo, Mourinho e Abel Ferreira entre os campeões

21 set, 00:44
Cristiano Ronaldo na gala Quinas de Ouro

Gala promovida pela Federação Portuguesa de Futebol regressou este ano com muitos títulos para recordar

A Gala das Quinas de Ouro de 2022 terminou com Fernando Gomes, presidente da Federação Portuguesa de Futebol, a chorar, depois da última homenagem à seleção de futsal que acabou de conquistar a Finalíssima Intercontinental, juntando o novo título aos dois títulos europeu e ao título mundial. Uma noite de glamour na Cidade de Futebol que homenageou todos os campeões da temporada 2021/22 e ainda promoveu distinções especiais a Cristiano Ronaldo, José Mourinho e Abel Ferreira, entre outros.

Depois de três anos de interrupção, devido à pandemia da covid-19, a festa do futebol português regressou em força esta terça-feira, com uma gala promovida pela Federação Portuguesa de Futebol, na Cidade do Futebol, com muitas distinções, desde o futebol de onze, ao futebol feminino, passado pelo futsal e também pelo futebol de praia.

Os convidados abdicaram dos habituais equipamentos desportivos e compareceram vestidos a rigor, uns mais à vontade, outros nem tanto, para uma noite de homenagem aos muitos títulos conquistados pelas seleções e equipas portuguesas nos últimos anos.

A seleção de futsal foi naturalmente protagonista pelos muitos títulos conquistados nos últimos tempos. Zicky Té foi distinguido depois de ter sido considerado o melhor jogador do último Europeu, tal como Ana Azevedo, no capítulo feminino, enquanto Ricardinho também foi alvo de mais uma homenagem pela impressionante carreira. Mas foi o selecionador Jorge Braz que levou Fernando Gomes às lágrimas ao falar no «orgulho» que é representar Portugal.

«Palavra que repetidamente ouvimos aqui hoje neste palco foi orgulho. Não sei porquê, saiu-me no domingo, que é um orgulho imenso representar Portugal, é um orgulho imenso treinar estes jogadores que representam todos os jogadores portugueses. Esta última conquista foi dedicada a todos os jogadores portugueses, meninos e meninas. Estamos cá para lhes proporcionar oportunidades», atirou o selecionador.

Ronaldo anuncia que quer ir ao Europeu de 2024

No futebol, a Seleção Nacional foi distinguida no ano em que comemorou o seu centenário, enquanto Cristiano Ronaldo, a maior figura dos últimos anos, também foi homenageado depois de se ter tornado no maior marcador de sempre ao serviço de uma seleção, com 117 golos. O capitão acabou por surpreender tudo e todos ao anunciar que, além do Mundial, quer ainda jogar o próximo Europeu em 2024.

«Sinto-me ainda motivado, a minha ambição está lá em cima. Estou numa seleção com jovens. Quero estar no Mundial e no Europeu, quero assumir já. Fico contente. Já tinha saudades de receber um prémio», destacou o jogador do Manchester United quando subiu ao palco. 

José Mourinho também compareceu à festa, curiosamente no mesmo dia em que, há 22 anos, assinou contrato com o Benfica, naquele que seria o seu primeiro grande passo como treinador principal. O treinador português mais galardoado de todos os tempos venceu, já este ano, a primeira edição da Liga Conferência, ao serviço da Roma, e diz que se sente «motivado» para continuar a trabalhar.

Abel Ferreira não esteve presente, mas também foi alvo de homenagem, pelo trabalho que tem feito no Brasil ao serviço do Palmeiras, com destaque para a dupla conquista na Taça Libertadores.

Baía diz que Conceição é «o melhor treinador português da atualidade»

A gala também serviu para homenagear todos os campeões ao longo da temporada de 2021/22 ao nível dos clubes, desde o futebol, incluindo as três principais ligas, passando pelo futebol feminino, futsal e futebol de praia. Vítor Baía, em representação do campeão FC Porto, enalteceu o papel do presidente Pinto da Costa, mas também do treinador Sérgio Conceição que qualificou, perante a presença de José Mourinho, como o «melhor treinador português da atualidade».

«Foi um ano a todos os níveis notável, com um trabalho de excelência com um presidente que é o mais medalhado do Mundo e é uma inspiração diária. Temos o melhor treinador português da atualidade e jogadores que encarnam a perfeição aquilo que é o espírito do dragão», referiu o antigo guarda-redes.

A seleção de futebol de praia, vencedora das últimas três edições da Liga Europeia, também foi alvo de uma homenagem especial, que contou ainda com uma distinção ao antigo internacional Madjer, grande promotor da modalidade.

Numa noite longa, houve ainda espaço para distinguir a equipa do Benfica que conquistou a Youth League, bem como à seleção nacional de futebol virtual, representada por Diogo Pombo e Rodrigo Marques.

A gala homenageou ainda a memória dos desaparecidos nestes últimos anos, com Fernando Chalana em plano de destaque, mas também com referência a Rogério Pipi, Rui Jordão, Dito, Ângelo Martins, Matine, José Bastos, Jacques, Reinaldo Teles, Vítor Oliveira, Neno, Tibi, Lima Pereira e Joaquim Carvalho.

Relacionados

Seleção

Mais Seleção

Patrocinados