57 quilos de meixão valiam 368 mil euros: foram apreendidos pela PSP

13 fev, 12:28
Meixão

Dois homens, de nacionalidade chinesa, acabaram detidos

A Polícia de Segurança Pública, através das Brigadas de Proteção Ambiental (BriPA), apreendeu 57 quilos de meixão que estava a ser transportado, de forma ilegal, numa viatura de mercadorias. Segundo a PSP, o valor comercial atinge os 368 mil euros.

“No decorrer de uma abordagem preventiva a uma viatura ligeira de mercadorias, efetuada por Polícias da Esquadra de Investigação Criminal da Divisão Policial de Vila Franca de Xira, foi verificado, no interior desta, um recipiente de grandes dimensões que transportava uma espécie de peixe”, explica a PSP em comunicado

Foram “acionadas de imediato” as BriPA, que confirmaram que a espécie transportada eram enguia europeia, mais conhecida como meixão, que é de captura proibida. Encontravam-se num “aquário improvisado de grandes dimensões”.

“Foi ainda contactado o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), que através de um inspetor confirmou a espécie que estava a ser transportada”, explica a PSP. O meixão acabou por ser libertado ao Tejo.

Os dois ocupantes da viatura que efetuava o transporte foram detidos. Segundo apurou a CNN Portugal, são de nacionalidade estrangeira. Serão presentes a julgamento em processo sumário esta quarta-feira.

Foram ainda apreendidos aos suspeitos três telemóveis, 3.082 euros em dinheiro e vários documentos.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça

Patrocinados