Portugal, incêndios: é este o ponto da situação

8 jul, 12:37
Incêndio de Salvaterra de Magos

Proteção Civil apresentou os dados num briefing realizado esta sexta-feira

Portugal registou um total de 91 incêndios esta quinta-feira, dos quais três ainda permanecem ativos e obrigam à presença de centenas de operacionais, dezenas de carros e alguns meios aéreos.

De acordo com o comandante da Proteção Civil André Fernandes, o maior número de ocorrências aconteceu nos distritos do Porto, de Aveiro, de Setúbal e de Leiria. 

Os três incêndios que permanecem ativos são um na Guarda - 225 operacionais, 80 viaturas e um meio aéreo -, outro em Carrazeda de Ansiães - 226 operacionais, 73 viaturas e quatro meios aéreos -, e ainda um em Ourém - 439 operacionais, 135 viaturas e três meios aéreos. 

O incêndio que causa maior preocupação às autoridades é o de Ourém: segundo o comandante André Fernandes, "envolve uma área de interface urbano/rural" e, por isso mesmo, os meios permanecem no local para proteger as habitações. 

Quanto ao número de operacionais feridos, o comandante não quis avançar com números, dizendo apenas que se trata "de ferimentos ligeiros (...) mas nada de relevante em termos de danos ou vítimas".

A Proteção Civil disse ainda que foi feito um reforço de 535 bombeiros ao dispositivo que está no terreno a nível nacional, distrital e regional. 

Relacionados

País

Mais País

Patrocinados