Atenção, Sporting: Man City não se livra do susto mas goleia Leicester

26 dez 2021, 17:11

Turma de Pep Guardiola venceu 'foxes' por 6-3

PUB

Em pleno Boxing Day, o Manchester City bateu o Leicester, por 6-3, mas na segunda parte vislumbrou-se uma surpresa no Etihad. Os citizens venciam confortavelmente ao intervalo, por quatro bolas a zero, mas no início do segundo tempo os foxes apontaram três golos e ameaçaram o empate.

O jogo começou da melhor maneira para a equipa de Pep Guardiola. Logo aos cinco minutos, Kevin de Bruyne trabalhou na grande área e tirou um disparo de pé esquerdo para inaugurar o marcador.

PUB

Depois, veio a primeira grande penalidade cometida por Tielemans, aos 14 minutos. Num pontapé de canto, o belga agarrou Laporte e, na conversão do castigo máximo, Riyad Mahrez marcou à antiga equipa.

Os citizens continuavam por cima dos foxes e chegaram inevitavelmente ao terceiro, por Gundogan, depois de uma excelente jogada de combinação entre Bernardo Silva, de Bruyne e João Cancelo, aos 21 minutos. O lateral português tirou o cruzamento e Kasper Schmeichel afastou para os pés do médio alemão, que só teve de encostar para o fundo das redes.

PUB
PUB
PUB

Quatro minutos depois, Sterling sofreu falta de Tielemans dentro da grande área e apontou o quarto golo do Manchester City, ao bater Schmeichel na marca dos onze metros.

Ao intervalo, a vitória parecia garantida para os citizens, que tiraram o pé do acelerador. Aos 55 minutos, num lance em que Laporte e Rúben Dias ficam mal na fotografia, James Maddison reduziu a desvantagem.

Logo de seguida, aos 59, Lookman finalizou uma transição rápida para o 4-2.

A surpresa tornou-se ainda maior quando Kelechi Iheanacho, aos 65 minutos, aproveitou uma defesa incompleta de Ederson para colocar os foxes a apenas um golo do empate.

A partir de então, o Manchester City voltou a «colocar o pé no acelerador». Laporte redimiu-se e, na sequência de um canto, colocou alguma tranquilidade no resultado.

Aos 87 minutos, novamente na bola parada, Rúben Dias cabeceou para o interior da pequena área, onde apareceu Sterling para tirar qualquer dúvida quanto ao vencedor da partida.

Apesar do susto, o Manchester City, próximo adversário do Sporting na Liga dos Campeões, continua no primeiro lugar da Premier League, com mais seis pontos do que o Liverpool, que soma menos um jogo.

PUB
PUB
PUB

Relacionados

Uma newsletter para conversarmos - Decisão 22

Envie-nos as suas questões e sugestões de temas, responderemos pela caixa do correio

Saiba mais

Sporting

Mais Sporting

Patrocinados