Navio com milhares de carros de luxo afunda-se ao largo dos Açores

1 mar, 15:12
Navio Felicity Ace (Marinha Portuguesa)

Embarcação começou a arder em alto mar no dia 16 de fevereiro. Estava a ser rebocada para um local seguro quando acabou por "perder a estabilidade"

O navio Felicity Ace afundou esta terça-feira a cerca de 170 quilómetros a sul da ilha do Faial, nos Açores. A embarcação estava a ser rebocada na sequência do incêndio que deflagrou a 16 de fevereiro, em alto mar, e que obrigou à retirada dos 22 tripulantes.

A bordo estavam cerca de quatro mil automóveis das marcas Volkswagen, Porsche, Audi e Lamborghini, que acabaram, assim, no fundo do mar.

O navio tinha começado a ser rebocado a 25 de fevereiro, mas, segundo a Marinha portuguesa, "perdeu estabilidade" e acabou por se afundar a 46 quilómetros do limite da Zona Económica e Exclusiva de Portugal, numa área com cerca de três mil metros de profundidade.

"No local registam-se alguns destroços e uma pequena mancha de resíduos oleosos, que está a ser dispersa pelos jactos de água dos rebocadores e que se encontra a ser monitorizada pela Direção de Combate à Poluição da Autoridade Marítima Nacional e pela Agência Europeia da Segurança Marítima", refere a autoridade, que continua a acompanhar a situação.

O Felicity Ace, com bandeira do Panamá, tinha partido de Emden, na Alemanha, com destino ao porto de Davisville, no estado norte-americano de Rhode Island.

País

Mais País

Patrocinados