PJ detém em Loures suspeito de abuso sexual de criança de 12 anos

23 nov, 10:52
Polícia Judiciária
Polícia Judiciária

Homem foi detido fora de flagrante delito, após o menor ter relatado o sucedido na escola, que imediatamente contactou as autoridades

PUB

Um homem de 36 anos foi detido no concelho de Loures por suspeita de mais de 50 crimes de abuso sexual de uma criança, sua cunhada, encontrando-se já em prisão preventiva, foi hoje anunciado.

Em comunicado, a Polícia Judiciária avançou ter localizado, identificado e detido o homem, fora de flagrante delito.

PUB

Os crimes foram cometidos no concelho de Loures, distrito de Lisboa, desde abril de 2020 até 18 de novembro deste ano, data em que a criança, de 12 anos, relatou na escola os abusos.

Dessa forma, a escola denunciou de imediato o caso à Polícia Judiciária.

Tendo em conta a gravidade dos crimes em causa, a PJ desenvolveu uma investigação de caráter “muito urgente” que, decorridas cerca de 14 horas, permitiu recolher fortes indícios, tendo-se procedido à detenção do suspeito.

Suspeito e vítima moravam na mesma casa desde o início da pandemia

Segundo as autoridades, o homem aproveitou o facto de a criança ter ido morar com ele e com a irmã, logo após o início da pandemia de covid-19, para a “molestar sexualmente, além de praticar, sobre a mesma, constantes atos de violência física e psicológica, mantendo a criança sujeita a um temor permanente”.

PUB
PUB
PUB

Sobre o homem pendem mais de 50 crimes de abuso sexual de crianças, na sua forma agravada, mais de 50 crimes de coação e um crime de violência doméstica, igualmente na sua forma agravada, revelou a PJ em comunicado.

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.

Crime e Justiça

Mais Crime e Justiça