Manuel Alegre: “Ninguém em Portugal dá lições de democracia ao Partido Socialista"

Agência Lusa , HCL
23 abr 2023, 19:42

“Sem o PS e contra o PS não há soluções de esquerda em Portugal”, defendeu repetidamente o histórico socialista durante a sua intervenção na festa dos 50 anos do partido

O histórico socialista Manuel Alegre afirmou este domingo que sem o Partido Socialista (PS) ou contra ele não há soluções de estabilidade política em Portugal e que ninguém no país pode dar lições de democracia ao seu partido.

“Sem o PS e contra o PS não há soluções de esquerda em Portugal” e além disso, “nas atuais circunstâncias, sem o PS e contra o PS também não há soluções de estabilidade política em Portugal”, afirmou Manuel Alegre durante a sua intervenção na festa dos 50 anos do partido, que decorre no pavilhão Rosa Mota, no Porto.

Manuel Alegre repetiu a ideia várias vezes no discurso, reiterando o que já tinha dito à chegada, quando, questionado sobre as críticas do Presidente da República ao Governo, afirmou que “a critica faz parte da democracia” e manifestando a convicção de que “ele não vai dissolver [o parlamento], porque o PS é um garante da estabilidade política em Portugal”.

O histórico socialista afirmou também no seu discurso que “ninguém em Portugal dá lições de democracia ao Partido Socialista”, referindo a certa altura que o Partido Social Democrata (PSD) poderia juntar-se ao Chega para ser alternativa e, em contraponto, excluiu em qualquer circunstâncias uma aproximação do PS aquele partido de extrema direita.

O PS, declarou ainda, “tem a sua assinatura em todas as grandes realizações” da democracia portuguesa, enumerando desde a Constituição, à segurança social pública, o serviço nacional de saúde, o reforço da escola pública e a “abertura de Portugal ao mundo”, como a entrada na União Europeia ou a criação da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

Manuel Alegre elogiou a liderança de António Costa, líder do PS, como primeiro-ministro, e disse: “não digam que não há estratégia. A estratégia do PS está sufragada. Está no seu programa”.

Partidos

Mais Partidos

Mais Lidas

Patrocinados