Resgatadas cinco das seis crianças presas em teleférico suspenso a 270 metros no Paquistão

CNN Portugal , BCE (notícia atualizada às 18:23)
22 ago 2023, 09:54

Também dois adultos estão presos no teleférico há mais de 12 horas

Um teleférico com oito pessoas, um professor e sete alunos, ficou suspenso a cerca de 270 metros do solo na sequência da rotura de um cabo numa área montanhosa em Battagram, no norte do Paquistão.

De acordo com a agência Reuters cinco crianças já foram resgatadas pelo exército paquistanês, cerca de 12 horas depois do incidente. Assim, e segundo as informações mais recentes, dois alunos e o professor, um jovem de 20 anos, continuam no teleférico.

Entretanto as autoridades ordenaram a retirada do helicóptero, uma vez que o cair da noite torna impossível as manobras aéreas. As tentativas de resgate prosseguem em terra.

Nas primeiras horas da manhã, o professor adiantou ao jornal local Geo News que ele e os alunos - que têm entre 10 e 16 anos - estão presos naquele teleférico há mais de 12 horas. Entre os passageiros, encontra-se um adolescente de 16 anos que sofre de problemas cardíacos e que está inconsciente há várias horas, contou Gulfaraz, como foi identificado.

"Nem sequer temos água para beber", lamentou o jovem.

Citado pelo jornal, Gulfaraz explicou que o teleférico parou cerca das 07:00 locais (03:00 em Lisboa) depois de andar cerca de um quilómetro e meio, quando um dos cabos que liga a infraestrutura do teleférico se partiu. Mais tarde, um segundo cabo também rompeu, deixando o teleférico preso por apenas um cabo.

De acordo com a Agência Nacional de Gestão de Desastres do país, o exército mobilizou dois helicópteros para resgatar os passageiros, mas o vento está a dificultar as operações. Entretanto, um comandante que está no terreno adiantou à BBC que as autoridades estão a trabalhar num plano de resgate alternativo, que implica colocar um novo cabo dos dois lados do teleférico como uma medida de contingência caso não seja possível resgatar os passageiros através de helicóptero.

Teleférico fica suspenso no Paquistão (Fotografia: Getty Images)

O primeiro-ministro interino do Paquistão, Anwaar-ul-Haq Kakar, manifestou preocupação com o incidente, descrevendo-o como "realmente alarmante" e adiantou que instruiu as autoridades a procederem "com urgência" ao resgate das oito pessoas que estão presas naquele teleférico, além de ter solicitado uma inspeção aos aparelhos.

Naquela região montanhosa é bastante comum utilizar teleféricos para cruzar rios e encurtar as distâncias entre os vales. Contudo, muitas vezes são construídos pelas comunidades locais, de forma ilegal.

Ásia

Mais Ásia

Patrocinados