Vinte mortos e 21 feridos em queda de autocarro numa ravina no Paquistão

Agência Lusa , AM
3 mai, 07:40
Emergência

Cerca de 30 mil pessoas morrem todos os anos em acidentes rodoviários no país

Pelo menos 20 pessoas morreram esta sexta-feira e mais 21 ficaram feridas, quando um autocarro de passageiros caiu numa ravina, numa zona remota do nordeste do Paquistão.

"O condutor do veículo perdeu o controlo, provavelmente adormeceu e o autocarro caiu numa ravina", disse à agência de notícias EFE o porta-voz dos serviços de socorro da região de Gilgit Baltistan, onde ocorreu o acidente.

Como resultado, "20 pessoas foram confirmadas mortas e 21 feridas", embora o número de vítimas mortais possa aumentar nas próximas horas, acrescentou Tahir Shah.

O acidente ocorreu pelas 05:15 (01:15 em Lisboa) na autoestrada de Karakoram, localizada na remota e montanhosa região de Gilgit Baltistan, quando o autocarro se dirigia para o vale de Hunza a partir da cidade de Rawalpindi, na província de Punjab, disse o funcionário.

O Paquistão regista uma das taxas de sinistralidade rodoviária mais elevadas do mundo, devido a más condições das estradas, veículos sem condições e sobrecarga dos transportes públicos.

Cerca de 30 mil pessoas morrem todos os anos em acidentes rodoviários no país, de acordo com os dados do Governo paquistanês.

Em 11 de abril, pelo menos 17 pessoas morreram e 40 ficaram feridas quando um camião que transportava dezenas de peregrinos caiu numa ravina no sul do Paquistão.

Médio Oriente

Mais Médio Oriente

Patrocinados