Vinicius Tobias: da Favela do Buraco Quente para a fria porta ucraniana

23 nov, 09:25
Vinicius Tobias (foto: Internacional Porto Alegre)
Vinicius Tobias (foto: Internacional Porto Alegre)

Lateral brasileiro muda-se para o Shakhtar Donetsk em fevereiro, quando fizer 18 anos

PUB

P.S. (Para Seguir) é um espaço assinado pelo jornalista Nuno Travassos, que pretende destacar jogadores até aos 21 anos. 

O mercado brasileiro é uma prioridade assumida do Shakhtar Donetsk, e foi com essa estratégia bem definida que decidiu, de resto, contratar o português José Boto em 2018. Todos os anos têm sido recrutados talentos «canarinhos», e no início de 2022 vai chegar mais uma grande promessa: Vinicius Tobias.

PUB

O acordo com o Internacional de Porto Alegre ficou fechado no passado mês de julho, por cerca de seis milhões de euros, mas o lateral direito só pode mudar-se para a Ucrânia a partir de fevereiro do próximo ano, quando fizer 18 anos de idade.

Vinicius Tobias é mais um jovem brasileiro que fintou uma infância difícil para viver o sonho do futebol. Nasceu na Favela do Buraco Quente, em São Paulo, mas agora é uma das maiores promessas da sua geração.

Chegou ao Inter em 2016, e foi vendido pelo emblema de Porto Alegre mesmo sem jogar pela equipa principal, embora ainda na semana passada tenha sido convocado.

PUB
PUB
PUB

Foi adicionado à lista de compras do Shakhtar no final de 2019, graças às prestações no campeonato sul-americano de sub-15, disputado então no Paraguai. Marcou na final, conquistada à Argentina no desempate por penáltis, e sagrou-se campeão.

As negociações entre a equipa ucraniana e o Internacional arrastaram-se muito tempo, mas o acordo foi anunciado em julho deste ano.

«Estávamos a negociar este jogador há muito tempo: começámos o ano passado, quando ele tinha 16 anos. Na altura não conseguimos um acordo, mas agora ele vai formalizar a mudança em fevereiro de 2022. Contamos com ele e acreditamos nele. Acreditamos que, no futuro, vai tornar-se uma presença regular na seleção principal do Brasil. É um rapaz muito talentoso. Praticamos um futebol ofensivo e o Vinicius encaixa bem nesse perfil», explicou o CEO do Shakhtar, Sergei Palkin, quando foi oficializada a contratação.

Diz quem o conhece bem que Vinicius Tobias é um «10» que joga a lateral. Um jogador muito evoluído tecnicamente, capaz de subir no terreno tanto encostado à linha como a explorar zonas interiores. Forte a atacar o espaço, mas também muito competente a descobrir os espaços através do passe.

PUB
PUB
PUB

Um jogador muito completo, que mostra também segurança a defender, sobretudo nos duelos individuais, mas vocacionado especialmente para equipas que têm a intenção de dominar o jogo e de passar o máximo tempo possível em ataque posicional. Tal como referia o CEO do Shakhtar.

A mudança para a Ucrânia será sempre um abalo, ainda para mais para um jovem que acaba de fazer 18 anos, mas o “consulado brasileiro” do Shakhtar atenuará esse impacto. Vinicius terá tempo para mostrar o seu potencial, assim mostre capacidade mental e paciência para esperar pelo seu timing.

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Últimas