Domingo com "trégua" no calor antes de nova subida da temperatura nos próximos dias

Agência Lusa , MJC
10 jul, 09:34
Bom tempo (Lusa/Nuno Veiga)

Temperaturas ligeiramente mais baixas este domingo: vão oscilar entre os 24º no Porto e os 42º em Évora. Há oito distritos em alerta laranja

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) colocou este domingo oito distritos do interior e a ilha da Madeira sob aviso laranja devido ao calor.

Os avisos de hoje correspondem a metade dos que estiveram em laranja no sábado, dado o IPMA prever uma descida na temperatura máxima no litoral oeste.

Esta “trégua” no calor no litoral antecede uma nova subida da temperatura nos próximos dias, que levou o Governo a declarar a situação de contingência entre segunda e sexta-feira, devido ao aumento do perigo de incêndios.

O IPMA prevê para este domingo de verão tempo quente com céu pouco nublado ou limpo e vento por vezes forte nas terras altas.

As temperaturas máximas vão oscilar entre 42 graus Celsius em Évora e 24º no Porto e em Aveiro.

Na Madeira, o IPMA prevê céu pouco nublado ou limpo, apresentando períodos de mais nebulosidade nas vertentes norte das ilhas da Madeira e do Porto Santo, com as temperaturas máximas a variarem entre 27º e 24º.

Nos Açores, o céu vai estar muito nublado com abertas, com as máximas entre os 24º de Santa Cruz das Flores e os 22º de Angra do Heroísmo.

Sob aviso laranja estão hoje os distritos de Vila Real, Bragança, Viseu, Guarda, Castelo Branco, Portalegre, Évora e Beja, bem como as Regiões Montanhosas na Madeira.

O aviso amarelo é válido para Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Coimbra, Leiria, Santarém, Lisboa, Setúbal e Faro, e ainda para a Costa Norte e a Costa Sul da Madeira.

Na escala de avisos do IPMA, que tem o vermelho como o mais grave, o laranja refere-se a uma “situação meteorológica de risco moderado a elevado”.

O amarelo avisa para uma “situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica”.

Relacionados

Meteorologia

Mais Meteorologia

Patrocinados