OE2023: Medina diz que objetivo é "retirar Portugal da lista de países mais endividados"

Agência Lusa
18 out, 15:05
Fernando Medina (Lusa/António Pedro Santos)

O ministro das Finanças insiste na importância de redução da dívida

O ministro das Finanças, Fernando Medina, insistiu esta terça-feira na importância de redução da dívida e do objetivo de retirar Portugal da lista dos países mais endividados, o que reforça a credibilidade externa do país.

“No ano de 2022 teremos uma dívida inferior à que tínhamos no início da pandemia, seremos dos poucos países a conseguir este feito”, disse o ministro, sublinhando que o objetivo para este ano e os seguintes é “retirar Portugal da lista de países mais endividados”, colocando-o no pelotão de dívida de grandes economias como a francesa.

O ministro das Finanças falava no final de um almoço promovido pelo International Club of Portugal, em Lisboa, no qual respondeu a questões colocadas pelos participantes, admitindo: Se ainda é cedo “para dizer em que lugar ficaremos nesse pelotão”, é certo que Portugal o integrará.

Governo

Mais Governo

Patrocinados