Situação entre Ucrânia e Rússia está “um pouco melhor”e já há conversas com Moscovo, revela MNE

Agência Lusa , BCE
13 jan, 18:25
Augusto Santos Silva
Augusto Santos Silva

Augusto Santos Silva dá conta de conversações em diversas frentes, inclusive entre norte-americanos e russos

PUB

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, considerou esta quinta-feira, em Brest, França, que a situação de tensão entre Rússia e Ucrânia é hoje “um pouco melhor”, pois finalmente há conversas com Moscovo.

“Nós temos de olhar para as oportunidades de entendimento que vão surgindo, e esta semana é, num certo sentido, promissora, porque finalmente começámos a falar, e falar diretamente. Por enquanto, o que dizemos parece desagradável aos ouvidos uns dos outros, mas já começámos a falar e, sobretudo, estamos a ouvir e estamos disponíveis para conversar e dialogar o tempo que for necessário para chegar a um entendimento. Portanto, eu diria que a situação hoje é um pouco melhor do que aquela que existia em dezembro passado”, disse.

PUB

Em declarações à Lusa, à margem de uma reunião informal de chefes de diplomacia da União Europeia (UE), em boa parte consagrada à situação de tensão militar na fronteira entre Rússia e Ucrânia, Santos Silva reforçou que “as coisas melhoraram” no sentido em que pelo menos já há conversas em curso, e em diversas frentes.

PUB
PUB
PUB

“Os norte-americanos e os russos falaram entre eles na segunda-feira passada, depois houve uma reunião do Conselho NATO-Rússia, hoje [quinta-feira] está a decorrer uma reunião no âmbito da Organização para a Segurança e Cooperação na Europa (OSCE). Por enquanto, sabemos que as partes estão mais a exprimir as suas posições do que propriamente a negociar ou a dialogar, mas é um primeiro passo”, afirmou.

Apontando que se trata de “um primeiro passo de um processo que deve prosseguir”, o ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros português adiantou que “é isso, aliás” que iria sublinhar na sua intervenção no debate a 27.

Uma vez que entende que “estes primeiros passos que foram dados, estas primeiras reuniões que ocorreram, não são o fim da linha, mas são, pelo contrário, parte e princípio de um processo” cujo objetivo é conduzir a “uma posição de entendimento”.

“Do nosso lado, firmeza e disponibilidade para o diálogo são as atitudes que nos caracterizam”, declarou.

Santos Silva vai deixar Brest ainda esta quinta-feira para marcar presença na sexta-feira, em Roma, nas cerimónias fúnebres do presidente do Parlamento Europeu, David Sassoli, em representação do Governo português, sendo substituído na reunião informal de chefes de diplomacia da UE – que se prolonga até sexta-feira na cidade francesa – pela secretária de Estado dos Assuntos Europeus, Ana Paula Zacarias.

PUB
PUB
PUB

Relacionados

Novo Dia CNN

5 coisas que importam

Dê-nos 5 minutos, e iremos pô-lo a par das notícias que precisa de saber todas as manhãs.
Saiba mais

Mundo

Mais Mundo

Patrocinados