Saiba tudo sobre o Euro aqui

Otamendi e Enzo podem «dar» primeiro título mundial à Liga portuguesa

16 dez 2022, 11:01
Otamendi e Enzo

Argentinos do Benfica defrontam a França este domingo na final do Campeonato do Mundo

Este domingo, Argentina e França defrontam-se na final do Mundial e a Liga Portuguesa poderá «festejar» a sua primeira contribuição para um título mundial, através dos benfiquistas Otamendi e Enzo Fernández.

O campeonato nacional já recebeu campeões mundiais, mas esta pode ser a primeira vez que a consagração é conquistada por jogadores a atuar em Portugal, conforme explica a agência Lusa.

O brasileiro Anderson Polga (Sporting), os espanhóis Iker Casillas (FC Porto) e Joan Capdevila (Benfica), o francês Adil Rami (Boavista) e o alemão Julian Draxler, que está atualmente no Benfica, chegaram à Liga com o estatuto de campeões do mundo.

Depois de vencer o Mundial 2002, Polga chegou ao Sporting em 2003/04, para ficar até 2011/12.

Na temporada de despedida do central leonino, chegou Capdevila, que pouco contou no Benfica, após ser totalista na campanha da Espanha rumo ao título mundial de 2010.

Na temporada 2015/16 foi a vez de Iker Casillas aterrar em Portugal para representar o FC Porto, já depois de ter sido decisivo na conquista espanhola do Campeonato do Mundo de 2010.

Em 2018 a França conquistou o título na Rússia, com Adil Rami na equipa. O defesa central passou pelo Boavista na época 2020/21.

Já na presente temporada, o futebol português viu chegar o quinto campeão do Mundo, o alemão Julian Draxler, emprestado pelo Paris Saint-Germain ao Benfica, que venceu o Campeonato do Mundo de 2014, precisamente frente à Argentina.

De referir ainda que, nessa final, estavam dois jogadores da Liga portuguesa, o benfiquista Enzo Pérez e o sportinguista Marcos Rojo, que saíram derrotados do Maracanã.

A Argentina e França procuram vencer o terceiro título mundial este domingo, em Lusail, a partir das 15h00.

Mundial 2022

Mais Mundial 2022

Patrocinados